Outsourcing-ti-1
Ao adotar a terceirização, as equipes internas podem se dedicar às atividades principais do negócio e elevar a sua produtividade

O Outsourcing de TI vem sendo cada vez mais utilizado pelas empresas. Isso porque esse tipo de prestação ou terceirização de serviços de tecnologia da informação proporciona benefícios indispensáveis.

Conhecê-las traz ganhos para as rotina produtiva e diferencial competitivo. Há uma série de fatores que afetam positivamente o seu negócio ao buscar essa solução que não para de crescer. Vamos falar deles mais adiante, enquanto isso continue lendo este artigo.

O termo é utilizado para fazer referência à terceirização da gestão e administração dos sistemas ligados à tecnologia da informação de uma empresa.

Esta modalidade tem se mostrado mais vantajosa em relação à manutenção de uma equipe interna ao oferecer inúmeros ganhos ao negócio, como maior monitoramento e prevenção contra falhas no sistema, além de permitir maior flexibilidade de processos.

Em um cenário de mercado cada vez mais competitivo e com o surgimento de novas tecnologias a todo momento, as empresas precisam adquirir o que há de mais moderno para otimizar a sua gestão.

Contudo, investir em um departamento de TI dedicado, com profissionais especializados e infraestrutura adequada, custa caro e demanda esforços que nem toda empresa pode arcar.

Diante disso, ao adotar a terceirização as equipes internas podem focar nas demais atividades fundamentais para o negócio. Além disso, a modalidade oferece condições para que os colaboradores sejam mais produtivos e assertivos.

Um dos benefícios proveniente da prática é a redução de custos, uma vez que ao adotar o modelo a empresa liquida os gastos com equipamentos, gerenciamento, capacitação dos profissionais e outros serviços, que passam a ser de responsabilidade do fornecedor do serviço.

Além disso, essas empresas podem contar com soluções modernas, infraestruturas e bancos de dados, e muito mais.

Panorama

A instabilidade econômica, com a retração do mercado, leva os gestores a procurarem por soluções que ofereçam ferramentas tecnológicas e redução de custos ao mesmo tempo.

A sorte é que eles encontram no mercado muitas opções de fornecedores que atendam todas as necessidades da empresa de acordo com as demandas que surgirem.

Segundo uma pesquisa da IDC, encomendada pela Salesforce, o setor da tecnologia tem impulsionado a criação de empregos, contribuindo para que a taxa de desemprego diminua no País.

A expectativa é de que até 2022 sejam criadas 195 mil vagas.

Já em nível mundial o número chega a 3,3 milhões de empregos no setor no mesmo período!

A previsão do Gartner é de que o próximo ano será fundamental na dinâmica de trabalho existente. Por que? Porque a criação de empregos voltados à Inteligência Artificial deverá mudar completamente. Essa transformação deve acarretar na geração de 2 milhões de novos postos de trabalho até 2025.

Para que serve?

A contratação de profissionais de TI pelo modelo do Outsourcing faz com que as empresas ganhem tempo para se concentrar em suas atividades principais. Outros ganhos é o acesso a novas tecnologias, redução de custos e maior flexibilidade.

Por isso, muitas empresas que buscam diminuir o custo da folha de pagamento e com a gestão de TI apostam na terceirização.

Além do mais elas conseguem aumentar a sua capacidade operacional, uma vez que a infraestrutura de TI é um dos aspectos mais importantes da cadeia operacional.

Logo, o seu pleno funcionamento interfere na capacidade da empresa de atender seus clientes da forma adequada, inovar na criação de novos produtos e serviços e aumentar o seu nível de eficiência.

Portanto, um bom gestor de TI deve encontrar meios para otimizar os seus recursos. Dessa, forma ele será capaz de oferecer maneiras mais viáveis financeiramente para manter a eficiência dos seus equipamentos.

Ao terceirizar o investimento em novos equipamentos por meio do Outsourcing, a empresa também consegue:

  • Flexibilizar a rotina do negócio;
  • Aumentar o nível da sua resposta às demandas do mercado;
  • Tornar os seus serviços mais escaláveis;
  • Obter ganhos financeiros diretos;
  • Contar com tecnologia de ponta e recorrente atualização.

Os gestores e empresários já sabem a importância estratégica de se elaborar uma infraestrutura de TI eficiente. Contudo, muitas vezes estão tão preocupados com as metas da empresa, que não investem tanto nesta área. É aí que entra a terceirização deste serviço.

Muitos negócios buscam diminuir o custo da folha de pagamento e com a gestão de TI apostam na terceirização

Mas vale a pena?

O tema está sempre entre as pautas dos CIOS. O estudo Antes da TI, a Estratégia, da IT Mídia, realizado em 2017, entrevistou 189 líderes do setor, e mostrou que pelo menos 40,2% tinham a pretensão de aumentar o número de serviços terceirizados. O grupo representa de 501 a mil maiores empresas do País.

Enquanto isso, renegociações contratuais ficaram em segundo lugar, com 36,3%. Quando comparado com as empresas do grupo de 1 a 500 a situação muda. 37% consideram a renegociação e 35% informaram a intenção de aumentar os serviços terceirizados.

Ainda de acordo com este estudo, os setores que mostraram mais propensos ao aumento desses serviços foram comércio, serviços e holdings.

Selecionamos aqui algumas das vantagens do outsourcing de TI para sua empresa. Confira:

1.Redução de custo com equipes inchadas

Com a adoção do modelo já não é mais necessário escalar uma equipe ou contratar colaboradores adicionais para o setor de TI do seu negócio. A alocação tem exatamente o objetivo de possibilitar a terceirização dos serviços, evitando que essa equipe seja um peso para a folha de pagamento da empresa.

2. Novas tecnologias

O funcionamento do seu negócio pode ser prejudicado pelo uso de equipamentos tecnológicos ultrapassados, por isso eles devem ser renovados constantemente. O Outsourcing, por meio de profissionais atualizados e antenados com o que há de novo, oferece tecnologias modernas que podem ser um diferencial na sua empresa.

3. Mais segurança

A segurança da informação é fundamental para manter a saúde do negócio. Ao optar pelo Outsourcing a chance de encontrar possíveis falhas aumentam e com isso as suas soluções. Dessa forma, dá para garantir que as informações estejam protegidas, e encontrando novas maneiras de mantê-las longe de qualquer perigo.

4. Maior volume de serviços prestado

Neste caso, a terceirização pode ser utilizada para conseguir serviços que inicialmente não são do core business da empresa. O profissional alocado pode realizar serviços específicos, como por exemplo contratos públicos, mesmo que na equipe não tenha esses recursos disponíveis.

5. Disponibilidade de recursos

O Outsourcing de TI dispõe de vários recursos sob medida para as necessidades da empresa em que estão alocados. Alguns, por meio da análise do especialista contratado, podem ser identificados até mesmo sem que os gestores do departamento de TI percebam, trazendo maior sinergia entre ambos.

vantagens-outsourcing-de-TI_
A terceirização traz muitas vantagens para as empresas que buscam oferecer melhores resultados aos seus clientes

6. Foco na atividade principal da empresa

A verdade é que se gasta muito tempo com o gerenciamento, análise da performance, e com ajuste de falhas ao centralizar tudo isso em somente um profissional ou equipe de TI. Ao adotar o modelo de Outsourcing, a equipe de especialistas pode dedicar mais tempo ao core business do negócio.

7. Contratação sob demanda

É fácil encontrar prestadores de serviços sob demanda. Muitos deles optam por fixar valores mensais, ajudando na gestão efetiva de pagamentos, cortando gastos desnecessários e aumentando as chances de reinvestimento na TI. O documento Service Level Agreement (SLA) é um respaldo nessa situação, permitindo um bom negócio para as duas partes.

8. Transparência nos termos

Como dissemos anteriormente, os contratos do Outsourcing de TI possuem cláusulas claras – fator determinante para que a empresa tenha os serviços prestados e respaldados legalmente. Neste caso, a assistência técnica, por exemplo, é responsabilidade do prestador de serviços (o que diferentemente do que se pensa, não diminui a oferta desse profissional).

9. Equipe mais produtiva

A equipe interna de TI não será mais responsável por cumprir todas as demandas – que se estendem desde atividades operacionais até as mais específicas. Essa segmentação aumenta a produtividade do time, oferecendo mais tempo para focar em ações estratégicas do core business do negócio.

10. Divulgação da marca

Na era da tecnologia, a avaliação é constante e sai na frente aquelas empresas que oferecem os melhores recursos para da área de TI. Ao adotar o outsourcing, sua empresa se mostra comprometida com a modernidade, por oferecer soluções em primeira mão – e se torna referência até mesmo para quem lhe prestou o serviço.

Tipos de Outsourcing

Existem três tipos de outsourcing de TI: Offshore Outsourcing, Onshore Outsourcing e Nearshore Outsourcing. Confira as características de cada um:

  • Offshore outsourcing

Neste modelo, as funções terceirizadas são migradas para outro país. Normalmente para uma nação em desenvolvimento, cuja mão de obra tem custos menores. Atualmente, é muito comum ver a busca desse trabalho em empresas chinesas ou indianas, por exemplo.

O Brasil já foi mais reconhecido por este tipo de trabalho, ao exportá-lo. Segundo a pesquisa ‘Digital Resonance: The New Factor Impacting Location Attractiveness’ realizada este ano, o País ocupa a nona posição entre os países mais cotados para exportar o Outsourcing.

Até maio o País ocupava a quinta posição no ranking. Mas, segundo o próprio site da pesquisa, perdeu posições devido ao baixo desempenho nas novas dinâmicas do que chamam de ‘ressonância digital’.

  • Onshore outsourcing

Como o próprio nome diz, é a terceirização dentro da mesma cidade, estado ou país. A contratação de uma companhia externa continua acontecendo, porém, dificuldades como diferenciação de moeda, linguagem e cultura são extintas.

  • Nearshore outsourcing

Esta categoria é um meio termo entre as duas anteriores. O Outsourcing desta modalidade é buscado em regiões ou países vizinhos, diminuindo diferenças de fuso horário, linguagem e cultura, mas ainda oferece benefícios econômicos e de legislação, quando necessário.

Tomar a decisão correta para o seu negócio pode ser uma simples avaliação completa das suas necessidades

Quando devo investir em terceirização da minha TI?

1. Se você não é especialista na área de tecnologia

Se na sua equipe de colaboradores não é formada por especialistas em tecnologia, mas o departamento é importante para o pleno funcionamento da empresa, é conveniente terceirizar essas atividades.

Para melhor compreensão, pense da seguinte forma. Imagine que o seu negócio seja um comércio. Se você não possuir uma pessoa com conhecimento em contabilidade, que é de suma importância para o setor, é sensato que você contrate uma equipe externa para te auxiliar.

Isso é reforçado quando se fala em pequenos negócios, em que ter uma pessoa internamente pode ser oneroso e um desperdício de recursos.  

Se você não tiver conhecimento nessa área – que pode se tornar uma vantagem competitiva da sua empresa, a contratação do Outsourcing de TI pode ser uma solução viável financeiramente e fácil.

2. Está com o prazo limitado para concluir uma entrega

Devido a extensa legislação brasileira, ou aos próprios prazos rotineiros que sua empresa deve cumprir, há momentos em que toda a equipe fica sobrecarregada.

Essas situações podem se tornar ainda piores quando não se sabe como e quais requisitos de TI seguir. Nessas situações também faz todo sentido buscar a terceirização.

Normalmente é necessário comprovar especialização em segurança de rede para obter resultados satisfatórios nas entregas.  Com a parceria de outsourcing certa, esse objetivo pode ser alcançado.

3. Se o foco está mais em resolver problemas de TI do que na entrega de valor para os seus clientes

Se existir um item da área que TI que fuja completamente do seu core business e que esteja demandando grande parte dos esforços do seu time, então sim, compensa terceirizar.

 Na verdade, todas as empresas devem focar no que geram receita e lhes traz retorno. Se essa demanda pode ser sanada com um o outsourcing de TI, ótimo! Busque parceiros que te ajudem a focar no que o seu negócio faz de melhor.

Tomar a decisão correta para o seu negócio pode ser uma simples avaliação completa das suas necessidades. Busque pelas atividades de TI que não são primordiais para a sua equipe interna e faça as movimentações para terceirizar.

A opção pelo outsourcing de TI é uma tendência que vem tomando força na medida em que as empresas vão tomando conhecimento dos seus benefícios.

Depois de ler este conteúdo, acreditamos que você já sabe avaliar se a terceirização vale a pena ou não para o seu negócio, quais as suas vantagens e quando é uma opção viável.

Se o seu negócio já utiliza um serviço de Outourcing, ou você tem alguma outra contribuição para fazer, deixe o seu comentário!